top of page

O Clube Mulheres de Negócios: uma experiência que promove o avanço empresarial

“Sempre tivemos metas ousadas e fora da curva, mas a ação e conexão de grandes mentes femininas foi o que nos permitiu expandir e chegar ainda mais rápido em aspectos que no começo nem imaginávamos”, Rô Cordeiro, primeira Embaixadora do Clube.


Em meio a um ano de muitas mudanças e diversas incertezas, nascia uma ideia. Albert Einstein bem disse:

“A mente que se abre a uma nova ideia jamais voltará ao seu tamanho original". A verdade é que foi mais que uma ideia, foi um propósito, com objetivo claro e preciso: reunir mulheres de língua portuguesa para uma troca de experiências e crescimento profissional.


Dessa forma vi o nascimento do Clube Mulheres de Negócios de Portugal, um espaço que ultrapassa barreiras geográficas, vivo, pulsante, com muitas conexões, partilhas e vivências reais.




Oficialmente, passei a fazer parte do Clube Mulheres de Negócios de Portugal em maio de 2020, naquele momento de mudanças e incerteza que mencionei no início. Apesar do momento, uma coisa era certa, nossa Presidente faria a ideia acontecer, pois os pilares do Clube sempre foram bem fundados e firmes. Por meio de uma conversa, onde nossa Presidente me apresentava o Clube, partiu o convite para fazer parte dele e o posto de Embaixadora, posição em que fui pioneira e me encontro até hoje. A ideia de Embaixadora

do Clube veio mais uma vez dessa troca e boa conexão que eu e Rijarda possuímos. A estratégia de conexão foi aprimorada e hoje possuímos no Clube os papéis de Embaixadora Master, Embaixadora de Cidade, Empreendedoras e Empresas Parceiras, profissionais protagonistas e de ação.


Base sólida que promove o avanço exponencial

Os motivos que me levaram a fazer parte do Clube Mulheres de Negócios de Portugal foram os pilares em que ele se apoia e dos quais acredito plenamente. O primeiro é que a Primeira Liberdade Feminina é a Financeira. Por meio da minha trajetória profissional e atendimento de empresárias, mulheres de negócios,

percebo que essa é uma grande verdade. A mulher que possui liberdade financeira é uma mulher que raramente será refém de si mesma, quiçá de outros, sejam pessoas ou circunstâncias.


O segundo pilar é não estimular o vitimismo. Assim como o Clube, acredito que todas as mulheres são plenamente capazes de atuarem nos palcos de suas vidas, de tomarem ação e realizar o que quiserem e decidirem fazer.


O terceiro pilar e não menos importante é o de construir uma nação empreendedora em língua portuguesa, fortalecer internacionalmente negócios femininos ao redor do globo.


Quem olha de fora pode até pensar que somos apenas o Clube da Luluzinha, mas engana-se plenamente quem julga apenas por ver mulheres reunidas. O Clube foca sim em mulheres, pois entendemos que não somos nem melhores e nem piores, apenas diferentes, com necessidades e dinâmicas específicas do feminino, é por isso que precisamos de um espaço que tenha esse olhar. Mas de modo algum somos sexistas e para fazer parte desta rede de conexão todas precisam possuir essa mesma sintonia.


Entender esse pilares é o que nos tem permitido avançar de forma exponencial, com um crescimento anual de mais de 100%.


O Clube tem ação e proporção fora da curva!

Nossas metas sempre foram ousadas e fora da curva, características da nossa Presidente e das mulheres protagonistas que fazem parte desta rede de networking e negócios. Apesar de sempre olhar para o alto e bem à frente, não imaginávamos que, especialmente no primeiro ano, o Clube cresceria de forma estrondosa.


Todas as metas de planos futuros foram alcançadas já nesse primeiro ano de existência.

Nossa rede faz grandes movimentos, sendo impossível não ser percebida por onde passa. Duas ações se destacam nesse sentido. Neste ano de 2022, tivemos a primeira edição do Conecte-se, em Portugal. Um momento muito rico em vivências empresariais, muitos negócios e calor humano. Sem dúvida uma marco da nossa história. Mal concluímos essa edição e já estávamos arquitetando o encontro global de 2023, a ser realizado no Brasil. Ansiedade e alegria de receber as embaixadoras aqui, já toma conta de mim.


Empreender Feminino, que linda e majestosa iniciativa. Esse é um outro projeto do Clube que quebra barreiras. Por meio dessa ação diversas mulheres recebem capacitação multidisciplinar para empreender e aprimorarem seus negócios. Esse é um programa que tenho a grande satisfação de atuar em primeira mão, não apenas compartilhando meus conhecimentos para que as participantes tenham e desenvolvam Metas Positivas, mas também por servir de tutora ao longo da implementação de ações dessas mulheres

protagonistas.


Um espaço que de fato é nosso

Gosto muito de me referir ao Clube como ‘nosso Clube’, pois, de fato, ele é nosso, e pode ser seu também, se ainda não fizer parte deste grupo. Aqui, todas possuem liberdade para desenvolverem suas ideias, sejam com o Clube ou para ele. Nossa Plataforma permite a interação entre as embaixadoras, criação de grupos e espaços de networking e troca de ideias e tudo o mais que você se permitir imaginar e executar.


Ao recepcionar e orientar as novas Embaixadoras, papel que também desempenho no Clube, falo sempre: “Gostaria de te emprestar meus olhos”. Digo isso porque procuro transmitir ao máximo a minha visão de como nosso Clube é de fato diferenciado nessa conexão feminina empresarial, mas não apenas isso. Somos um espaço pulsante, estimulante, capaz de levar você mais longe e orientá-la estrategicamente para atingir os objetivos que verdadeiramente deseja, para você e para os seus negócios.

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page